Companhia das Ilhas

"Às vezes é um insecto que faz disparar o alarme" Poesia Nuno Costa Santos

7,00 €
Com IVA

de Nuno Costa Santos. Poesia. Colecção Transeatlântico

 

Política de Privacidade

 

Política de Entrega

 

Política de Devolução

Um livro de poesia de um dos mais destacados autores dos Açores. Às Vezes é um Insecto que Faz Disparar o Alarme aborda temas do quotidiano, ou do modo como transformar as nossas vivências em palavras partilháveis. Uma linguagem simples e depurada, mas segura e rigorosa, que nos cativa para a leitura.

Sobre o autor: Nuno Costa Santos: açoriano nascido em Lisboa, em 1974.

Principais obras publicadas: Trabalhos e Paixões de Fernando Assis Pacheco (biografia, Tinta da China, 2012), Melancómico – O Livro (aforismos, Escritório, 2011), Melancómico – Aforismos de Pastelaria (aforismos, Guerra e Paz, 2007), O Inferno do Condomínio (crónica/ficção, Gradiva, 2006), Os Dias Não Estão para Isso (poesia, Livramento, 2006), Problemas de Agenda e Trabalhador Independente (teatro, in Urgências, Livros Cotovia, 2006), Desejo Casar (colectivo, crónicas, Verso da Kapa, 2006), Dez Regressos (ficção, Salamandra, 2004).

 

Ano: 2012

Editora: Companhia das Ilhas

Colecção: Transetlântico  

Género: Poesia

Idioma: Português

Dimensões: 11x15 cm

Número de páginas: 44

Capa Mole

Dados do produto

1903

Ficha informativa

Altura
15cm
Largura
11cm
Ilha
Pico