"Às vezes é um insecto que faz disparar o alarme"

6,73 €

Descrição

Um livro de poesia de um dos mais destacados autores dos Açores. Às Vezes é um Insecto que Faz Disparar o Alarme aborda temas do quotidiano, ou do modo como transformar as nossas vivências em palavras partilháveis. Uma linguagem simples e depurada, mas segura e rigorosa, que nos cativa para a leitura.

Sobre o autor: Nuno Costa Santos: açorinao nascido em Lisboa, em 1974.

Principais obras publicadas: Trabalhos e Paixões de Fernando Assis Pacheco (biografia, Tinta da China, 2012), Melancómico – O Livro (aforismos, Escritório, 2011), Melancómico – Aforismos de Pastelaria (aforismos, Guerra e Paz, 2007), O Inferno do Condomínio (crónica/ficção, Gradiva, 2006), Os Dias Não Estão para Isso (poesia, Livramento, 2006), Problemas de Agenda e Trabalhador Independente (teatro, in Urgências, Livros Cotovia, 2006), Desejo Casar (colectivo, crónicas, Verso da Kapa, 2006), Dez Regressos (ficção, Salamandra, 2004).

 

Ano: 2012

Editora: Companhia das Ilhas

Colecção: Transetlântico  

Género: Poesia

Idioma: Português

Dimensões: 11x15 cm

Número de páginas: 44

Capa Mole