"Origens"

11,44 €

Descrição

Sobre o Autor: Rafael Costa Carvalho nasceu na Ribeira Quente a 22 de Setembro de 1980. Em 1994 aprendeu a tocar Viola da Terra* com Carlos Quental e no ano seguinte já começou a dar formação na Escola de Viola da Terra da Ribeira Quente. Foi membro fundador do Grupo de Violas/Foliões da Ribeira Quente em 1996 e do grupo Musica Nostra em 2005. 

É responsável pela Escola de Viola da Terra e Violão da Ribeira Quente que já formou dezenas de músicos que têm assegurado a continuidade dos grupos e tradições que existiam na Freguesia e estavam em vias de se extinguir.

Tem desenvolvido um conjunto de aulas de Viola da Terra online para apoio às pessoas que não têm acesso a um professor de Viola da Terra, e tem mantido o site www.violadaterra.webs.com, o primeiro site dedicado unicamente à Viola da Terra e que tem uma actualização muito frequente no seu Blogue.

Músicas: 

1. Despertar
2. Mouraria
3. Twist
4. Fado da Noite
5. Pézinho(s) Velho(s)
6. Toeira
7. Origens
8. Balho Furado
9. Trinando
10. Medievo

*Viola da Terra: a viola da terra, também conhecida como viola de arame, ou viola de dois corações é um instrumento de cordas típico dos Açores, Portugal. A origem da viola da terra está relacionada com a presença da viola portuguesa ou "guitarra", trazida do continente português no início do povoamento das ilhas dos Açores.

A viola da terra é constituída por uma caixa de ressonância alta, estreita e em forma de oito, com cintura pouco acentuada, braço comprido e escala que vai até à boca, com vinte e um pontos. Apresenta doze cordas de arame, dispostas em cinco arcelas: as três primeiras duplas e as duas seguintes triplas. A abertura existente no tampo tem forma de dois corações.

Dotada de traços e de uma sonoridade particular, a viola da terra apresenta-se segundo dois tipos principais: a viola da terra micaelense e a terceirense. A viola da terra pode encontrar-se em quase todas as ilhas do arquipélago dos Açores, variando por diferenças de construção, encordoamento, afinação e técnica de execução.