As Reservas da Biosfera são áreas de ecossistemas terrestres e/ou marinhos reconhecidas pelo Programa Homem e Biosfera (MaB – Man and Biosphere) da UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura), como de importância Mundial para a conservação da biodiversidade e a promoção do desenvolvimento sustentável e que devem servir como áreas prioritárias para a experimentação e demonstração dessas práticas.

O Programa Homem e Biosfera (MaB) foi criado como resultado da “Conferência sobre a Biosfera” realizada pela UNESCO em Setembro de 1968. O MaB foi lançado em 1971 e é um programa de cooperação científica internacional sobre as interacções entre o Homem e o meio.

Mais informações: Site da UNESCO

Reserva da Biosfera

Ilha das Flores

Ilha das Flores - Reserva Biosfera

A Reserva da Biosfera da Ilha das Flores compreende toda a área emersa da ilha e uma zona marinha adjacente, cobrindo uma área total de 58.619 hectares, contendo no seu interior valores paisagísticos, geológicos, ambientais e culturais únicos a nível regional, nacional e internacional.

A Reserva da Biosfera da Ilha das Flores apresenta áreas de importância internacional por servirem de local de nidificação a importantes espécies de aves marinhas, muitas delas constantes no Anexo I da Directiva Aves da União Europeia.

Mais informações: Site do SIARAM

Reserva da Biosfera

Ilha Graciosa

Ilha Graciosa 

Em Setembro de 2007, a ilha Graciosa passou a fazer parte da Rede Mundial de Reservas da Biosfera da UNESCO por decisão do Bureau do Conselho Internacional de Coordenação do Programa MAB (O Homem e a Biosfera).

Tal reconhecimento reflecte as características ambientais, patrimoniais e culturais únicas da ilha Graciosa. (...) Mas são sem dúvida os ilhéus o que maior valor acrescentou à feliz candidatura da ilha a Reserva da Biosfera. Constituindo importantes habitats de nidificação para aves marinhas servem igualmente como áreas de descanso/passagem de aves migratórias.

Mais informações: Site do SIARAM

Reserva da Biosfera

Ilha do Corvo

Ilha do Corvo 

Constitui esta Reserva da Biosfera toda a área emersa da ilha e uma zona marinha envolvente, cobrindo uma área total de 25.853 hectares.

Com uma paisagem singular e de excepcional beleza, a Ilha do Corvo alberga um vasto conjunto de espécies com relevância regional e europeia, sendo considerada um local privilegiado para a observação de aves. Dada a sua posição geográfica, situando-se quase a igual distância entre os continentes europeu a americano, aparecem na ilha, com frequência, aves migradoras acidentais oriundas da América do Norte e do Árctico, que aqui encontram condições para descansar e se alimentar. O Corvo apresenta também a maior proporção de endemismos de flora registados no arquipélago.

Mais informações: Site do SIARAM